domingo, 13 de julho de 2008

Cacofonia



O choro silencioso

com uma corda levemente desafinada.
Poucos ouvem,
mas os que sentem a dissonância
não podem afinar o violão.

Talvez só eu possa fazer isso.
Tensionar para que se afine a fina corda,
mas sem que ela parta.

Talvez seja melhor deixá-la assim.
O risco é grande.
Acho que não terei outra corda para
pôr no lugar.

Mas o desafino incomoda
Muito.
Parto de vez a corda,
arriscando a perfeita harmonia
(e que todos aplaudirão)
ou continuo nesse toque esquisito
que poucos ouvem
E apenas lamentam?

Tornar o vácuo dono da
Terra!
Deixar os sons mudos
para que não precise senti-los.

Mas a corda do violão
continuará desafinada.
De nada resolverá o silêncio:

O desafinar sai de mim.


2 comentários: