terça-feira, 21 de julho de 2009

Epílogo



Hã?

Passou.

Sempre assim:
passou, não deu, não foi
não era.

E depois?
será?, serei?, virá?,
ganhar?

Agora

sempre é:
sem ação, realização
ou aspiração.

Agora é tarde.
Agora é noite.
Agora é morte.



Um comentário: